Terra Simão - Construtora de valor

Próximo Anterior
  • Crédito Imobiliário - saiba como escolher o melhor

    Ter uma casa própria é o sonho de qualquer brasileiro. Sair das dívidas que envolvem a organização de um lar, como aquisição de móveis e objetos, é fundamental para quem pretende ter uma vida a dois ou, quem sabe, morar sozinho.

    Por isto, para ter sucesso na compra de um imóvel, o ideal é que a pessoa tenha um conhecimento prévio das opções de crédito disponíveis, para fazer uma boa escolha.

    Mas, escolher o melhor crédito imobiliário não é uma tarefa simples. Atualmente, no mercado há uma infinidade de empresas que financiam imóveis, com as mais diversificadas formas de pagamentos. No entanto, o que muitos não sabem é que na maioria destas oportunidades, as “facilidades” são aparentes. Entretanto, na prática, as dores de cabeça são enormes.


    O financiamento de um imóvel é um investimento a longo prazo. Por isto, o ideal é que ele seja planejado com bastante antecedência. Verifique as taxas de juros, o tempo necessário para ser pago, observe se o banco ou a instituição financeira oferece algum plano de redução das parcelas, dentre outros fatores. Tudo isso faz com que o processo ocorra de forma mais tranquila e dentro do padrão de cada família ou investidor. Aproveite e acompanhe as principais dicas, que os especialistas em crédito imobiliário indicam:

    - Jamais seja apressado ao escolher um plano de financiamento. Reflita com calma, pois ele poderá se constituir um dos principais fatores para que você erre na escolha e atraia para si vários prejuízos. Para contrair este tipo de débito, é necessário conhecer várias ofertas, vários bancos e todas as formas possíveis de pagamento.

    - Não ultrapasse a 25% de sua renda líquida. Existem alguns limites nos valores das prestações oferecidas pelos bancos; algumas, chegam a 30% ou 35% dos ganhos líquidos de uma pessoa, mas, o ideal é não comprometer mais de um quarto dos rendimentos da família.

    - Escolha sempre o prazo mais curto para pagar o empréstimo imobiliário. Mesmo que passe alguns anos, este é o melhor investimento, mas, desde que se enquadre no requisito citado acima. O propósito é se livrar da dívida o quanto antes.

    - Caso, em algum momento, receba uma quantia extra, não hesite em quitar a dívida ou algumas parcelas. Lembre-se que você investiu em algo de longo prazo, essencial para qualquer família. Mesmo que seja cobrada alguma taxa por adiantamento de valores, o valor que irá economizar de juros, compensa o sacrifício.

    - Procure dar uma boa entrada em dinheiro, para diminuir o valor do financiamento.

    - No SAC, as parcelas são maiores no início e decrescem com o tempo. Isto acontece porque neste sistema, a dívida é amortizada desde o início do financiamento e paga-se menos juros ao longo do contrato.

    Um dos planos mais procurados pelas pessoas é exatamente o SAC, um tipo de financiamento em que os valores das parcelas diminuem com o passar do tempo. Por isto, ele é o financiamento ideal para quem possui renda familiar razoável, pois não irá comprometê-la por um longo período.



    Fonte: www.mundodastribos.com

     

    tags: crédito; imobiliário; financiamento
ÚltimasNovidades